segunda-feira, abril 30, 2012

I hate myself and I hate the things that I do.




"O tempo é matreiro. Temos meses inteiros, anos até, em que nada muda, em que não vais a lado nenhum, não fazes nada, ou pensas um novo pensamento. E depois podemos ser atingidos por um dia ou uma hora, ou metade de um segundo, em que tanto acontece, é quase como se renascessemos como uma outra pessoa que de outro modo nunca iríamos conhecer."

(E. R. Frank)





‎"It's stranger than fiction, how you've decayed. 
It must be so lonely, lost within your ways.
You're born alone, you die alone. 
The rest is yours to fill the gap.
 The world goes on, without you here, 
adjust or just collapse"

3 comentários:

Liliana Rodrigues disse...

se tu o dizes, obrigada:p

bam disse...

Gostei imenso do blog!

H. Santos disse...

Just in point... Gostei do blog, força nisso ;)