sexta-feira, novembro 11, 2011

I care(d).

Por mais que eu diga que a perda é dele, 
lá no fundo, 
eu sei que também é minha. 






"I'm becoming a monster, just like you
After it all you'll try to break me too
Falling forever, chasing dreams
I brought you to life so I can hear you scream"

6 comentários:

Filipa Sampaio disse...

acreditaa !

Litopedian disse...

Eu faço um esforço para isso :)

joana ; disse...

oh como eu compreendo o querer pensar q não perdemos nada , que eles é que perderam , mas no fundo ter saudades e querer de volta.

Litopedian disse...

Exacto, Joana. É isso mesmo =S

joana ; disse...

e o pior (no meu caso, pelo menos) é não querer admiti-lo, ter a mania de ser forte até ao ultimo segundo. Nesse desabo.

Litopedian disse...

Pois é; nós só conseguimos aguentar a fachada por tanto tempo ... depois vai tudo abaixo.